14 de fev de 2013

5º Retiro Transfiguração supera as expectativas


A Renovação Carismática da Diocese de Tubarão, com o apoio do Setor da Juventude, promoveu durante o período carnavalesco, o 5º Retiro Transfiguração, realizado no CTG, em Jaguaruna. Segundo uma das organizadoras, Irmã Elizângela Sales, o encontro superou as expectativas. “Alcançamos o objetivo para que os jovens estivessem aqui e tivessem vontade de estar aqui. Foi um avanço muito grande para a diocese. Todos os anos, aumenta o número de participantes, e isso é uma avaliação muito positiva”, destacou. Para irmã Elizângela, o crescimento do número de participantes se dá pelo convite que os jovens lançam aos que ainda não tinham a oportunidade de participar. “Começamos o primeiro retiro com 80 jovens. E a participação vem crescendo continuamente a cada ano, hoje nós já estamos na quinta edição. Entre os que estavam trabalhando, os que passaram somente para os shows e os participantes, tivemos a adesão de aproximadamente 800 pessoas, mas os que ficaram nos quatro dias foram 500 jovens. Sabemos que quatro dias é pouco, mas o pouco que se faz aqui, se for cultivado no dia a dia, com certeza renderão bons frutos”.
Durante os quatros dias foram realizadas pregações, teatros, missas, adoração ao Santíssimo Sacramento, recreação e muita dança com a realização dos shows católicos. Presença da Banda Totus Tuss, de Joinville, que esteve animando os quatro dias de retiro. As Bandas Sopro Divino e Kéfas agitaram a juventude em duas noites de show, com muita coreografia e dança.
A trezemaiense, Luziana de Pieri, falou sobre a participação dos jovens. “Foram momentos de grande importância pessoal. Todos os jovens deveriam tirar um tempo para renovar sua fé”.
Também estiveram presentes, as Irmãs Carmelitas Mensageiras do Espírito Santo, da Diocese de Blumenau. Irmã Janaina Nunes, disse se surpreender com a grandiosidade do encontro. “Percebi uma grande participação, além de jovens, também de adolescentes, e muitos deles deram seu testemunho. Que bom que pudemos alcançar seus corações. Não conhecia um encontro que houvesse recreação, isso faz com que haja dinamismo nesses dias e não deixa o retiro com cara de que aqui há somente oração. Acredito que os participantes saíram satisfeitos”.
O jovem Rafael Oliveira, da paróquia de Morrotes, Tubarão, participou pela segunda vez do evento. “O encontro foi uma bênção de Deus. Participei do segundo retiro e acredito voltar para casa com as forças renovadas”.
Diversos padres passaram pelo CTG durante os quatro dias do encontro para atender confissões e presidir missas. O bispo diocesano, Dom João Francisco Salm presidiu a missa de encerramento, na terça-feira, dia 13, e ressaltou a presença dos jovens nos dias de encontro. “O que se procura é que cada pessoa possa se encontrar com Jesus Cristo, então se fazem retiros e dar essa oportunidade, essa descoberta é muito importante. Para nós, cristãos, Jesus Cristo é a chave da história, nós vivemos em função Dele, de Sua mensagem, de Seu projeto”. Dom João também falou sobre a importância do lazer. “Não sou contra que haja diversões sadias, elas também fazem bem e o ser humano tem direito ao lazer. Mas a gente sabe que no Carnaval existem muitos exageros, muitos riscos, mas se há jovens que se dispõe a vir para encontros como esses, sem dúvida alguma que faz um bem muito grande, diria que é uma oportunidade rara, pois para a balada é coisa que se pode ir todo fim de semana, e um encontro desses não há como oferecer todos os dias. Ter a oportunidade de participar, ouvir testemunhos, conhecer a Cristo é um bem que não se paga, penso que quem veio ganhou”, finalizou Dom João.

Redação: Vanderléia Pereira/ Pascom
Fotos: Vanderléia Pereira e Jorge Cruz Pereira




0 comentários:

Postar um comentário